fbpx

Como Ler As Ondas

Como ler as ondas

Como ler as ondas? Ao surfar, uma das perguntas mais frequentes é: como as ondas quebram? Como uma onda quebrará sobre uma topografia oceânica específica? Quando você tiver as respostas para essas perguntas, saberá quando e onde remar – esquerda, direita ou se a onda nem vale a pena seu esforço.

A Importância Deste Conhecimento 

Saber interpretar quando as ondas quebram e antecipar a direção e a velocidade em que elas quebram é uma das habilidades mais importantes do surf. O 11x campeão mundial, Kelly Slater, sempre atribuiu sua superioridade aos outros competidores à sua exímia leitura das ondas.
Seja você iniciante, praticante intermediário ou profissional, saiba sempre como ler uma onda. Escolher a onda certa implica observação e abre um universo inteiro de vantagens em relação a outros surfistas. Ao dominar esta arte, certamente você pegará as melhores ondas com mais frequência, cairá com menos frequência, ficará menos cansado e, acima de tudo, se divertirá  bastante. 

Cuidado Com As Fechadeiras

A primeira lição é a mais simples de todas: ondas que fecham completamente não são boas para o surf. Em resumo, elas não têm uma parede na qual o surfista possa percorrer alguns metros lateralmente. Caso seja um surfista iniciante e estiver aprendendo na beira, estas ondas servem para o aprendizado, pois carregam bastante forma na espuma, suficiente para empurrar o surfista para que este possa desenvolver os princípios básicos. 

Como Decifrar

Agora que você já conhece as fechadeiras, como decifrar o “código genético” de uma onda ou como descobrir se ela quebrará à esquerda ou à direita? Ao assistir as ondas que ainda estão se formando, seguem algumas coisas a serem observadas:

Veja a linha do horizonte:

  1. Quando uma série de ondas estiver surgindo, compare a linha do horizonte com o ângulo da onda;
  2. Identifique o ponto mais alto (pico) da onda;
  3. O lado com a maior inclinação ou ângulo indica onde a onda se romperá;
  4. A direção em que a onda quebra é a direção em que deve ser surfada;

Definição de Esquerda e Direita

Importante lembrar que uma esquerda é definida com uma onda que quebra para o lado esquerdo quando se está remando para ficar em pé na prancha, ou seja, o surfista tem que fazer a curva para a esquerda para alcançar sua parede. Da mesma forma são as direitas, para o lado oposto. 

A Frame 

Quando uma onda se forma em triângulo, abrindo para os dois lados, é como os nativos de língua inglesa chamam de “A Frame”, como um “V” invertido. Nesses casos, a onda se rompe à esquerda e 
à direita simultaneamente. Se você estiver perfeitamente posicionado no pico da onda – o ponto de partida -, poderá escolher ir para a esquerda ou direita.

Observação De Fora D’água

É de suma importância observar as ondas quebrando por algum tempo antes de entrar no mar. Definitivamente esta é uma atitude que fará bastante diferença quando estiver lá dentro. Se for uma praia com fundo de areia (beach break), neste momento será possível ter noção de como está a formação das ondas, se há muitas fechadeiras, qual o tempo entre as séries, quantas ondas por série, se há mais direitas ou esquerdas e também onde estão rompendo as melhores ondas na praia.

Points e Reef Breaks

No caso de lugares onde as ondas quebram sempre na mesma direção, sobre fundos de pedra ou corais, a leitura se torna um pouco mais simples. Isso de deve ao fato de as ondas romperem quase sempre no mesmo lugar, em um pico definido. Ainda assim há diversos fatores que devem ser levados em consideração para analisar e ler as ondas, tais como a influência do vento e da maré, as correntezas e até mesmo a qualidade do fundo, que pode estar prejudicado por excesso de cobertura de areia sobre as pedras por exemplo.

A Ondulação

Por fim, mas ainda muito importante é saber analisar a ondulação como um todo. As ondas podem vir de várias direções e certamente isto influencia muito na formação delas. Diferentes praias ou picos recebem diferentes ondulações com melhor ou pior qualidade. Entretanto, conhecer este tipo de ciência leva tempo, existem cursos que ajudam a entender melhor as previsões das ondas, o que pode otimizar seu tempo na hora de escolher onde surfar. 
O que muitas vezes acontece é de estarmos de frente para o mar e as ondas não estarem com boa formação. No entanto, há poucos quilômetros dali há ondas perfeitas quebrando em outro pico, tudo porque a direção do swell se encaixa muito melhor por lá. Por isso é primordial ficar sempre atento para que nas próximas vezes você possa escolher o local correto assim que bater o olho no mar e desfrutar das melhores condições possíveis naquele dia. 

 

 

 

Deixe uma resposta

WhatsApp chat