Para Onde Viajar Na América Central e Por Quê?

Para Onde Viajar Na América Central e Por Quê

Você está se perguntando para onde viajar na América Central em sua próxima surf trip? Há muitos países pela região que oferecem água quente e ondas perfeitas. 

Para te ajudar nessa decisão, separamos alguns dos melhores lugares por lá. Confira. 

Por que escolher a América Central para surfar?

Há diversas ondas da América Central que são consideradas algumas das melhores do mundo. 

Além disso, o clima quente predomina na região praticamente o ano todo e a melhor época para ir tem um longo período, sendo de maio até outubro.  

Por lá, dependendo da região que escolher, terá direitas incríveis e ótimas ondas tubulares.

Onde viajar na América Central? 4 melhores lugares para surf

Separamos os melhores lugares para você surfar e aproveitar as belas paisagens da região. Veja onde viajar na América Central:

El Salvador

El Salvador tem duas regiões para surf, sendo a norte (La Libertad) e a sul (Las Flores). 

Há vários picos próximos uns dos outros e um dos mais clássicos é Punta Roca, onde você encontra uma direita incrível, com ondas tubulares extensas e várias sessões. 

Las Flores também é bastante conhecida. A direita é muito longa e ótima para manobrar. Tem fundo de pedra e areia. Já Punta Mango oferece ondas tubulares mais curtas em fundo de pedra.  

México

O México é conhecido por ter os melhores beach breaks do mundo. Os swells costumam entrar forte por conta da impulsão de furacões que varrem a costa no sentido sul/norte.

As dicas para surf são Puerto Escondido, bastante famoso por ser um dos melhores destinos dos surfistas conhecido, inclusive, como o Pipeline mexicano. 

As ondas por lá são bem grandes e quebram em uma bancada de areia. A Praia Zicatela é uma das mais famosas da região, conseguindo oferecer ondas que podem chegar aos 12 metros de altura. 

Salina Cruz também é uma ótima opção. Conta com pouco crowd e há mais de 10 picos com direitas perfeitas para surfar. 

Nicarágua

Por conta do vento terral que o local recebe quase que o ano todo, Nicarágua oferece ondas incríveis. São point breaks e beach breaks de esquerdas e direitas e ondas que variam de, em média, 0,5 m a 1,5 m.

Há opções para diversos gostos, desde tubos até ondas com longas paredes. Porém, seus beach breaks são famosos por conta da constância, potência e formação. Se você ama surfar em ondas tubulares, é uma ótima opção!

Há pouco crowd e os melhores picos são Popoyo, Playa Colorado, Lances Left e Santana. 

Costa Rica

A Costa Rica tem beach breaks perfeitos e você pode surfar em dois oceanos: Pacífico e Atlântico. No Pacífico, geralmente encontrará longas esquerdas. Já do outro lado, as direitas tubulares aparecem com mais frequência. 

Pavones, na região sul, é um dos melhores picos do local e proporciona uma das esquerdas mais longas do mundo, com mais de 800 m de comprimento. 

Já em Playa Negra você encontra ótimos tubos, tendo um point break de direitas rápidas. Mas, por lá, o crowd é um pouco elevado.

Outra dica que não pode faltar é Salsa Brava, localizada mais para o lado do Mar do Caribe. Com uma direita tubular forte, as ondas quebram em uma bancada de coral. 

Na região norte, conheça Roca Bruja, um dos melhores beach breaks do mundo. 

Gostou de saber onde viajar na América Central para surfar? Aproveite e confira mais dicas de picos pelo mundo no blog do Prancha Nova.

Deixe um comentário