Hardcore + PranchaNova.com + Shaperfy

Hardcore + PranchaNova.com + Shaperfy

Apresentam:

WSL FANTASY SURFING LEAGUE 2019

  • Liga Masculina –  

Inscreva-se na nossa liga e concorra a prêmios em todas as etapas. 

O grande vencedor no final do tour ganha 01 Prancha Nova.


Acesse e cadastre-se em: http://mct.fantasy.worldsurfleague.com/group/99627
Nome: Liga Brasileira
Insira a senha: surfe

Pronto, é só montar o seu time e torcer!

-O primeiro colocado em cada etapa ganhará os seguintes kits:

1. Quiksilver Pro Gold Coast (Abril 3-13, 2019)

 Deck Channel Islands PPR + Leash Channel Islands Standard Hex Cord 6’ + Protetor Brazinco + Adesivos PranchaNova/Hardcore + Revista Hardcore

2. Rip Curl Pro Bells Beach (Abril 17 – 27, 2019)

CROA Softboard 5’6 Pro Italo Ferreira + Parafina Fu Wax + Adesivos PranchaNova/Hardcore + Revista Hardcore

3. Corona Bali Protected (Maio 13 – 25, 2019)

 Capa Channel Islands 6’0 Dane Reynolds  + Protetor Brazinco + Adesivos PranchaNova/Hardcore + Revista Hardcore

4. Margaret River Pro (Maio 29 – 9 Junho, 2019)

Jogo de Quilhas Futures AM1 Techflex + Adesivos PranchaNova/Hardcore + Revista Hardcore

5. Oi Rio Pro (Junho 20 – 28, 2019)

 Boné S.A.L + Camiseta S.A.L + Protetor Brazinco + Adesivos PranchaNova/Hardcore + Revista Hardcore

6. Corona J-Bay Open (Julho 9 – 22, 2019)

 Poncho Rip Curl + Protetor Brazinco + Adesivos PranchaNova/Hardcore + Revista Hardcore

7. Tahiti Pro Teahupo’o (Agosto 21 – 1 Setembro, 2019)

Deck Dakine Launch Pad  + Leash Dakine Kainui 6’0 + Protetor Brazinco + Adesivos PranchaNova/Hardcore + Revista Hardcore

8. Surf Ranch Pro (Setembro 19 – 22, 2019)

CROA Softboard 5’6 Pro Marco Polo + Parafina Fu Wax+ Adesivos PranchaNova/Hardcore + Revista Hardcore

9. Quiksilver Pro France (Outubro 3 – 13, 2019)

Jogo de Quilhas Futures AM1 Techflex  + Adesivos PranchaNova/Hardcore + Revista Hardcore

10. MEO Rip Curl Pro Portugal (Outubro 16 – 28, 2019)

Capa Channel Islands 6’0 Dane Reynolds  + Protetor Brazinco + Adesivos PranchaNova/Hardcore + Revista Hardcore

11. Billabong Pipe Masters (Dezembro 8 – 20, 2019)

 Boné S.A.L + Camiseta S.A.L + Protetor Brazinco + Adesivos PranchaNova/Hardcore + Revista Hardcore


PRÊMIO PARA O CAMPEÃO GERAL AO FINAL DAS 11 ETAPAS:

– 01 Prancha Al Merrick + Parafina Fu Wax+ Adesivos PranchaNova/Hardcore + Revista Hardcore


*O ganhador de cada etapa deverá entrar em contato com o PranchaNova.com através do e-mail [email protected] até o primeiro dia de evento da etapa seguinte para garantir seu prêmio. 

*Em caso de empate, quem tiver mais pontos somados no total entre todas as etapas ganha. Se persistir empatado será feito um sorteio para definir quem leva os prêmios.

As adaptações aquáticas que te beneficiam no surf

De relance, os humanos parecem bem deslocados no oceano. Temos pulmões de baixa capacidade, falta isolamento e nosso conceito de “natação” é ridiculamente ineficiente em comparação com nossos amigos mamíferos e suas nadadeiras. Mas, graças à alguns traços adaptativos, podemos estar muito mais à vontade dentro da água na hora do surfe.

1. Respiração controlada

A respiração é um processo involuntário para a maioria dos mamíferos terrestres, mas temos um controle substancial sobre nossa respiração. Pressões seletivas em nossos ancestrais evolutivos causaram a realocação da laringe do nariz para as gargantas – uma característica compartilhada por muitos animais aquáticos. Este desenvolvimento foi principalmente para fins de vocalização, mas também forneceu benefícios. Ou seja, a capacidade de fechar a traqueia durante o mergulho e facilitar a respiração passiva após um longo período de submersão. Então, da próxima vez que você estiver sugando o vento como um vácuo depois de uma espera de duas ondas, agradeça à sua laringe.

2. Visão subaquática

Quando vemos uma sombra debaixo d’água, somos duramente pressionados para dizer se é um tubarão, golfinho ou algum cara em um body board. A superfície curvada da córnea do olho é o que representa a maior parte do seu poder de refração e perde esse poder na água. Mas, de acordo com um estudo, expor seus olhos a ambientes subaquáticos frequentemente podem melhorar a visão subaquática. Uma tribo de ciganos do mar no sudeste da Ásia, conhecida como Moken, depende muito de comida forageira do fundo do oceano. Análises conduzidas nesta população mostraram que sua visão submarina era na verdade, duas ou três vezes melhor que a média dos olhos europeus. Através de anos de exposição a ambientes aquáticos, os Moken aumentaram a constrição máxima da pupila. Isso permitiu uma melhor visão subaquática. homem nadando no mar

3. Reflexos de Natação Infantil

Talvez você não tenha nascido para surfar, mas de certo modo, você nasceu para nadar. Recém-nascidos chegam gritando neste mundo com vários reflexos de natação. Quando uma criança está submersa, ela instintivamente prende a respiração e abre os olhos. E, até cerca dos 6 meses de idade, os bebês colocados de barriga para baixo na água, naturalmente moverão seus braços e pernas de uma forma a nadar. O medo que muitas pessoas têm da água ou do oceano, não se desenvolve até muito depois do nascimento. Afinal, o nascimento é como fazer seu primeiro barril no surfe.

4. Dedos das mãos e dos pés

As falanges enrugadas não são apenas um indicador de que você evitou as responsabilidades de sua terra por muito tempo. Quando os seres humanos estão em um ambiente aquático por longos períodos de tempo, os vasos sanguíneos em nossos dedos das mãos e pés se contraem, levando-os a enrugar. Todas essas rugas aumentam sua aderência. Um estudo conduzido pela Universidade de Newcastle, na Inglaterra, mostrou que os indivíduos movem objetos molhados 12 a 1 por cento mais rápido com dedos enrugados.

5. Reflexo de mergulho mamífero

Já sentiu seu coração parar quando você fura a primeira onda daquela série congelante? Bem, isso não o parou, mas diminuiu um pouquinho. Quando o rosto humano bate água fria, inicia-se um processo conhecido como reflexo do mergulho dos mamíferos. Isso faz com que o corpo sofra bradicardia, diminuindo a freqüência cardíaca em 1 a 25%. À medida que a frequência cardíaca diminui, a necessidade de oxigênio na corrente sanguínea é reduzida, deixando mais sangue oxigenado para os órgãos vitais. Ocorre vasoconstrição periférica, vedando capilares nas extremidades. Todos esses fenômenos resultam em maior capacidade de sobrevivência por mais tempo debaixo d’água. Isso é uma boa notícia para os surfistas de ondas grandes.

Portanto, se você pensava que o surfe e os esportes de água não ‘’eram pra você’’, agora foi possível entender que também possuímos adaptações aquáticas para realizar exercícios físicos. Podemos sim estar dentro desse mundo molhado.

Agora que você viu como possuímos adaptações que nos beneficiam na hora do surfe, entre no blog do Prancha Nova e confira o nosso post que analisa os motivos pelos quais você deveria surfar.  Além dos outros super interessantes que estão lá!!

As adaptações aquáticas que te beneficiam no surf

 

As principais coisas para saber antes de surfar pela primeira vez

Selecionamos as principais coisas para saber antes de surfar pela primeira vez. O surfe, antes de tudo é diversão, seguindo estas dicas você podera evitar erros bobos que atrasam seu aprendizado e podem causar lesões. Este é um artigo curto e direto, buscando trazer o básico do conhecimento inicial para entrar na água e começar a pegar onda. Assim sendo:

Natação

É um tanto óbvio, mas não custa lembrar. De forma alguma entre na água sem saber nadar. Aulas de natação podem ser ótimas aliadas ao condicionamento físico para surfar, busque uma piscina próxima para dar algumas braçadas. Com o mar não se brinca.homem nadando em piscina

Alongamento

Alongamento antes de tudo! Sabemos que a ansiedade de entrar na água é grande, mas não deixe de se preparar antes de entrar na água, é muito importante cuidar do seu corpo para que lesões não estraguem seu surfe. Alongue os principais conjuntos de músculos e não entre na água com corpo “frio”. surfista entrando no mar

 

Determinação

Foco no mar! Nunca entre na água com raiva ou quaisquer outros fatores que possam estragar o surfe. Este é um dos únicos esportes que permitem relaxar a cabeça, focar nos movimentos e natureza ao seu redor. Esteja pronto para levar alguns tombos (caldos) e não tenha medo de cair, da água você não passa. É você e o mar, nada mais.

surfista caindo no mar

Treino

Não sabe surfar? Aconselhamos que encontre um professor, assim poderá aprender o básico  como segurança, remar, dropar e se manter de pé. Evite surfar sem instrução no início, a prática fica ainda mais difícil quando não sabemos truques básicos como dar o ”peixinho” para furar as ondas sem esforço excessivo, assim muitas escolas de surfe já têm equipamento para iniciantes, seja muito paciênte e não estranhe se indicarem que use um capacete. Além disso, não se decepcione se boa parte de sua primeira aula for na areia mesmo, o instrutor faz isso pela sua segurança e entendimento. Mora longe do mar? Sem problemas, diversas academias espalhadas pelo país oferecem aulas de surfe em piscinas controladas.surfista sentado na areia da praia

Segurança

Nunca, repetimos, nunca entre no mar com praia vazia! Surfistas ao seu redor podem lhe ajudar caso se envolva em algum acidente ou tenha quaisquer imprevistos. Se o mar está mexido, não se atreva a entrar na água sem experiencia suficiente para surfar nesse tipo de situação. Não economize com equipamentos de baixa qualidade, é muito provável que perderá sua prancha caso um leash (cordinha) estoure enquanto surfa.surfistas no mar

 

Respeite os outros surfistas, no mar também existe etiqueta! Não custa nada interajir com o pessoal para criar novos amigos e ganhar algumas dicas de graça!

 

Conhecendo a Channel Islands e Al Merrick

Você provavelmente já ouviu falar do Al Merrick e da Channel Islands Surfboards, um dos melhores fabricantes de pranchas de surfe do mundo. Confira o post que fizemos contando um pouco da história dessa marca incrível!

Sediada em Santa Bárbara, no paraíso do surfe que é a Califórnia, a Channel Islands, fundada em 1969, se dedica ao desempenho e à qualidade através de trabalho duro, inovação e originalidade.

Leia mais!

Tipos de fundo: point, reef e beach break

Diferente da piscina de ondas do Kelly Slater, no mar quem manda é a natureza. Existem muitos aspectos que contribuem para a formação da onda. O fundo (tipos de break) é uma das principais características e é sobre os diferentes tipos que vamos escrever hoje.

Os nomes, conhecidos mundialmente em inglês, tentam ser auto-explicativos, mas nem sempre as diferenças ficam claras.

 

Leia mais!

Rabeta: entendendo os diferentes tipos

Você provavelmente já teve muitas dúvidas sobre qual rabeta é a ideal para o seu tipo de surfe e de onda, ou ainda não sabe as diferenças principais entre cada uma delas. Abaixo vamos explicar melhor essas variações para te ajudar a escolher a prancha que mais combina com o seu surfe!

 

Leia mais